A ARTE É UM DIREITO HUMANO

A ARTE É UM DIREITO HUMANO

Posted in ArteBLOGDemocr'artInspiração

Este ano, escolhemos 24 artistas a dedo, fomos ainda mais exigentes com a selecção das obras e, como sempre, esforçámo-nos por trazer novas expressões da arte.

As novidades do ano são várias: em primeiro lugar, os Storytailors, cujo nome dispensa apresentações. São um dos mais vibrantes designers de moda do nosso país, cuja criatividade tem sido premiada pelos pares e pelo público. Além disso, a disponibilidade do Luís Sanchez em estar connosco, num ano especialmente difícil para os criadores, só nos traz a maior das gratidões, além do imenso prazer em poder expor e vender duas obras que fazem parte do acervo privado dos Storytailors.

O segundo destaque vai para os ilustradores Jessica von Innerebner e Cale Atkinson. Oriundos do Canadá e amantes de Lisboa, contam entre os seus clientes marcas como a Disney, a Pixar ou a Marvel para as quais criam personagens e histórias.
Duas outras novidades são a arte 3D e o concept art, na voz de Danny Ivan e Vasco Mariano. O primeiro trabalha para marcas de renome como a Apple e a Starbucks, para a qual cria padrões de um colorido extraordinário que lembram viagens macro a universos de lollipop ou de plasticina de cores explosivas. O segundo cria personagens para vídeo gaming.

Merc’art 2019: 24 artistas numa edição especial para nós. Especial, porque ultrapassámos o marco dos 3 anos e estamos á beira de chegar ao quinto. Especial porque representa a fronteira que nos abre as portas ao mundo, graças ao apoio do Portugal 2020, cuja candidatura submetemos com sucesso em 2019 e que nos permitirá voar mais longe em 2020. Especial por todos os que acreditaram em nós mais uma vez, a começar pelos artistas (God Bless you all), passando pelos nossos parceiros e pelas marcas que nos acompanham e, como não o dizer, pelas nossas famílias.

E tudo isto, porquê?

Porque acreditamos que a arte é um direito humano. Porque temos a fé na arte enquanto semente da beleza que se instala no nosso coração, na nossa alma e, eventualmente, na nossa casa. A beleza faz bem. E pode exprimir-se de tantas maneiras quantas as do ser humano se superar a si mesmo.

Merc’art é Democr’art.

Partilhar este artigo

Não existem comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Escreve algo e pressiona Enter para pesquisar

Carrinho

Nenhum produto no carrinho.